Hora do networking: 5 dicas para cultivar sua rede de contatos

Publicado em 19/02/2018

Você certamente já ouviu algo como: "networking? Eu não, me recuso a 'puxar saco'!" É como se a ideia de alimentar uma rede de contatos estivesse sempre vinculada a atitudes pouco autênticas, como rir de piadas sem graça ou omitir desconfortos.

Vivemos em uma cultura em que conversar sobre dinheiro e ter ambições na carreira são atitudes mal vistas. É como se estes conceitos estivessem sempre associados à ganância e à fome por poder. Contudo, para não cairmos em armadilhas, é preciso que estejamos sempre com um bom dicionário em mãos para não misturar significados! Tomemos, como exemplo, o conceito de lobby, tratado pela coluna de Suzana Pires sobre este mesmo tema.

No Brasil, o termo lobby é fortemente associado à ilegalidade e corrupção. Contudo, o termo refere-se a uma atividade conduzida por entidades, empresas, segmentos da sociedade e pessoas físicas para viabilizar seus interesses diante do governo. Informalmente, o termo também é empregado dentro de empresas com este mesmo sentido.

Quer aprender como cultivar uma rede de contatos de maneira autêntica e crescer de maneira sustentável em seu ramo de atuação? Acompanhe-nos!


Rede de contatos: crescimento na diversidade

Na coluna de Suzana Pires, ela fala sobre o crescimento na multiplicação. Segundo ela, ao nos aproximarmos de alguém, precisamos estar disponíveis para multiplicar e entregar algo àquela pessoa, como informações ou novos contatos.

Antes de nossas dicas, gostaríamos de fazer um acréscimo a esta afirmação: aqui na Interno Estilo, acreditamos também no crescimento pelas diferenças. Afinal, é com uma rede de contatos diversa que ganhamos a oportunidade de adquirir novas perspectivas e inovar!

Como fazer networking e cultivar uma rede de contatos autêntica?

Com um pouco de preparo, fica muito mais fácil cuidar da sua rede com leveza!

Cuide de sua imagem e prepare-se adequadamente

Estar preparado para conhecer alguém que possa acrescentar novas perspectivas sobre o seu trabalho não significa que você deixará de ser autêntico. Ao escolher uma roupa condizente com a ocasião do encontro, bem como estudar o histórico da pessoa, você demonstra cuidado e atenção.

Pense em sua vestimenta como um elemento de reciprocidade, ou seja, algo que facilite o diálogo. Afinal, se você estiver desconfortável, dificilmente demonstrará o que tem feito de interessante para a sua área.

No caso de dúvidas, não tema em buscar por ajuda. Há excelentes profissionais de consultoria de imagem capacitados para compreender a sua mensagem e ajudá-lo na construção visual de seu discurso!

Esteja disponível para aprender

Na região dos punhos, o paletó deve ficar um dedo acima da camisa. Também é recomendado que ele fique na altura das mãos na região dos quadris.

Por isso, alimente o seu olhar de aprendiz. Olhe nos olhos de seus interlocutores, esforce-se para saber o nome deles e escute as suas histórias com atenção. Agradeça-os pelas lições aprendidas e atribua créditos sempre que possível.

Aproveite os contatos que você já tem

Além de atrair novos contatos, é preciso que você cuide muito bem dos antigos. Confira os lançamentos, palestras e eventos de seus parceiros de trabalho.

Procure acompanhar o trabalho deles sempre que possível e ofereça feedbacks úteis. O LinkedIn é uma ótima ferramenta para isso (aliás, conheça o nosso perfil!).

Defina estratégias de aproximação

Um dos aspectos mais difíceis de cultivar uma rede de contatos é a aproximação. Há algumas perguntas, contudo, que nos ajudam a transpor essa barreira. Responda-as:

Você sabe o que dizer ao se apresentar?

Quais são os aspectos de sua carreira que valem ser destacados?

Além disso, como é o ambiente onde esse encontro será organizado?


Se você costuma ficar ansioso perto de pessoas que admira, prepare um pequeno discurso. Leia-o para você mesmo e para quem possa avaliá-lo.

No caso de um ambiente mais descontraído, procure acompanhar alguém que já conheça a pessoa em questão. Assim, ele pode apresentá-los e facilitar o início da conversa.

Não "force a barra"

Lembra-se que falamos sobre as noções equivocadas que as pessoas têm sobre o networking? Em parte, elas são alimentadas por pessoas que, ao se aproximar de um contato profissional precioso, se esforçam para se tornar amigas próximas, oferecendo presentes, divulgando mentiras ou bajulando.

Você não está neste ambiente para ser íntimo daquela pessoa. Cumprimente-a com um elogio honesto e lembre-se que as suas qualidades são a melhor estratégia de autopromoção que você poderia ter. Reconheça quais foram as suas entregas para o mercado e pense em como o seu trabalho pode somar ao da pessoa em questão.

Por último, vale o lembrete: um bom networking é cultivado com compromisso. Se você promete entregar um determinado resultado, comprometa-se com ele. Daí a importância de não mentir sobre o seu trabalho.

Não há qualquer problema em almejar posições melhores no mercado de trabalho. O importante é fomentar este crescimento com ética, lembrando-se sempre de quais são os seus propósitos no dia a dia do trabalho!

E você, está procurando ajuda para construir, de maneira visual e coerente, o seu discurso profissional? Entre em contato com a Interno Estilo e conheça os nossos serviços!

Fotos: Rawpixel on Unsplash e Kaboompics